Blue Flower

Caminhos de Santiago de Compostela

O Camino de Santiago leva à Catedral de Santiago de Compostela onde, supostamente, estão enterrados os restos mortais do apóstolo Tiago, Patrono dos Peregrinos e Trabalhadores, e é atualmente o mais famoso roteiro de peregrinações cristãs.

Muito embora Tiago, provavelmente, tenha pregado apenas na Samaria e Judéia e morrido nessa mesma região por ordem de Herodes Agripa I, por volta do século XII criou-se uma lenda segundo a qual ele teria ido de barco de Israel até o norte da Espanha, e por lá tenha pregado até seu martírio.

A peregrinação até Santiago de Compostela foi muito usada durante a Idade Média, declinando a partir da Reforma Protestante, nos anos 1500. Foi retomada com força a partir dos anos 1980, dessa vez não só por peregrinos cristãos, mas também por pessoas em busca de desafios, ou simplesmente que querem passear, conhecer lugares diferentes caminhando.

Provavelmente a rota tenha sido significativa também para os povos pré-cristãos. Os símbolos e lendas pagãos relacionados ao Caminho tem sido bastante procurados pelos caminhantes.

São diversos caminhos que levam a Santiago de Compostela, os mais populares são o Camino del Norte, o Camino Portugues, a Via de La Plata e, o mais frequentado de todos, o Camino Frances.

Alguns dos hotéis aceitam apenas peregrinos, identificados pelo Passaporte de Peregrino. Assim, mesmo que não seja importante para você esse “documento” para comprovar a realização da peregrinação, é importante adquiri-lo no início de seu passeio, mesmo que seja apenas para facilitar a hospedagem. Alguns hotéis também fazem restrições à permanência por mais de uma noite, ou ainda fecham as 22:00 h ou 23:00 h.